#31 07/12/2020 social media

TikTok anuncia vídeos de até 3 minutos e Spotify testa stories

Quem pensava que o mês de novembro seria mais calmo e sem muitas novidades, estava muito enganado. Faltando apenas algumas semanas para acabar o ano, é possível perceber importantes movimentações do setor, como as atualizações das redes sociais TikTok (vídeos) e o Spotify (streaming de música).

As mudanças foram anunciadas na semana passada e podem representar um espaço importante para os produtores de conteúdo.

Por exemplo, o TikTok, rede social de vídeos, principal concorrente do Instagram, ganhou popularidade entre os jovens e agora possibilitará a criação de vídeos de até 3 minutos. Do outro lado, o Spotify, streaming de música, está testando a inserção de nova funcionalidade: os stories.

Ainda é cedo para afirmar como as novidades impactarão em nosso setor. No entanto, podemos prever uma movimentação de informações ainda mais intensa.

TikTok cogita oferecer mais tempo de vídeo

Em recente nota divulgada pelo consultor de redes sociais, Matt Navarra, a empresa está cogitando liberar vídeos de até 3 minutos de duração.

O especialista afirma que a novidade ainda está em fase de testes e para alguns usuários. A atualização prevê maior liberdade para a criação de conteúdos mais longos.

Atualmente, o TikTok só permite vídeos de até 60 segundos e a sua popularidade entre os usuários é justamente essa possibilidade de criar conteúdo rápidos para entretenimento e lazer. Aparentemente, a limitação de tempo não tem sido um impeditivo para os TikTokers.

Spotify testa stories em playlists especiais

O Spotify anunciou recentemente que está testando a funcionalidade de stories em algumas playlists especiais, como a Christmas Hits. Nessa lista, você poderá conferir depoimentos de artistas sobre o Natal. Entre os stories estão depoimentos de artistas como Gwen Stefani, Stevie Mackey, Kelly Clarkson, Pentatonix, entre outros.

Os stories podem ser acessados a partir de um ícone no canto superior de cada lista de reprodução compatível. Ao tocar no ícone, imediatamente aparece uma interface com o conteúdo com o mesmo formato.

De acordo com um porta-voz da plataforma de música, a nova funcionalidade ajudará a avaliar diferentes maneiras de aprimorar a experiência do usuário com a plataforma.

Por que as marcas devem investir em produção de conteúdo?

 

Já que citamos sobre o investimento das redes sociais TikTok e Spotify em melhorias que possibilitam a produção de conteúdos diferenciados, por que não falar um pouco mais sobre os benefícios disso para uma marca?

Partindo dessa ideia aqui vão algumas boas razões para se investir em produção de conteúdo. Confira!

 

1. Educar o mercado

Investir em conteúdo é uma forma de informar o mercado e, ao mesmo tempo, educar o seu público-alvo sobre a importância do seu produto ou serviço.

2. Aparecer no Google

Conquistar as primeiras páginas no principal site de pesquisa não é tarefa tão simples. Mas, quanto mais informações positivas forem publicadas sobre a sua marca e assuntos relacionados a ela, melhor será para os resultados da sua empresa.

3. Potencializar a autoridade da sua marca

Demonstrar conhecimento sobre o mercado em que atua e trabalhar conceitos de marca são algumas das recomendações básicas das aulas de negócios. Então, por que não aprimorar a forma como você se divulga nas redes sociais? Aproveite espaços “gratuitos” para falar sobre a sua marca e seus diferenciais.

4. Vender mais

Para vender mais você precisa informar o mercado sobre as vantagens e os diferenciais dos seus produtos ou serviços. Invista, então, em informações úteis para o seu público. Ao criar conteúdo relevante sobre a sua marca você amplia seus canais de vendas.

5. Relacionamento

Estar perto do público e conhecer seus interesses é o que vai ajudar você a criar vínculos emocionais com ele. Assim, dedique tempo para aproximar-se dos clientes, dialogando por meio das publicações. Aproveite os diferentes formatos propostos pelas redes sociais para fortalecer essa relação.